Home
Cursos
Favoritos0

Fazer faculdade ou seguir meu sonho?

Fazer faculdade ou seguir um sonho são dois caminhos que frequentemente se apresentam como opções divergentes na vida de muitas pessoas. Assim, enquanto a faculdade é tradicionalmente valorizada como um meio seguro para o sucesso profissional, seguir um sonho pode ser visto como uma escolha incerta e arriscada.

Embora a faculdade possa oferecer conhecimentos técnicos e uma base sólida em uma determinada área, seguir seu sonho traz consigo uma paixão inabalável, motivada e a possibilidade de criar algo significativo. Com efeito, a realização pessoal nem sempre é definida pelos diplomas na parede, mas sim pelas experiências únicas que vivemos e pela contribuição que fazemos ao mundo.

De fato, ao fazer faculdade, temos a oportunidade de expandir nosso conhecimento, desenvolver habilidades e construir uma rede de contatos. No entanto, seguir o sonho nos permite explorar nossa criatividade, perseverar em face de desafios e alcançar a satisfação de viver uma vida autônoma e comprometida com nossos valores.

Nesse contexto, o ideal é buscar um equilíbrio entre essas duas opções. Muitas vezes, a faculdade pode ser um trampolim para alcançar o sonho desejado, fornecendo as ferramentas necessárias para trilhar a jornada. Por outro lado, há casos em que o sonho pode exigir coragem para seguir por um caminho menos convencional, abandonando a faculdade para buscar um objetivo maior.

fazer faculdade
Fonte: https://guiadoestudante.abril.com.br/coluna/vida-universitaria/10-dicas-para-quem-esta-comecando-a-faculdade

O que a faculdade não ensina que as empresas exigem?

Fazer faculdade ou não fazer? Eis a questão!

Fazer faculdade ou não fazer? Eis a questão que muitos jovens enfrentam ao decidir sobre seu futuro profissional. No entanto, a resposta não é tão simples. De fato, a faculdade oferece inúmeras oportunidades de aprendizado, crescimento pessoal e desenvolvimento de habilidades. Ou seja, ela pode abrir portas para carreiras promissoras.

Por outro lado, a faculdade também implica em custos financeiros e exige um compromisso de tempo considerável. Além disso, nem todos os campos profissionais procuram um diploma universitário específico. Hoje, é possível adquirir conhecimento e experiência por outros meios, como cursos técnicos, aprendizado autodidata ou experiência prática.

Assim, a decisão de fazer faculdade deve ser baseada em uma análise individual das metas pessoais, interesses e circunstâncias financeiras. Logo, é importante considerar o campo de estudo desejado e pesquisar as perspectivas de emprego e as exigências do mercado.

Além disso, é válido explorar alternativas à faculdade, como cursos on-line, programas de treinamento profissionalizante e remunerados. Com efeito, essas opções podem fornecer habilidades específicas e experiência prática relevantes para um determinado segmento.

Afinal, estudar é mesmo importante?

Estudar é fundamental para nossos desenvolvimentos pessoal e profissional. Por meio da educação, exploramos diferentes áreas do conhecimento, desde ciências e humanidades até artes e tecnologia, o que pode ser muito interessante.

Isso nos ajuda a ter uma visão mais abrangente e crítica da realidade, permitindo-nos tomar decisões controladas e desenvolver pensamento analítico.

Desse modo, vale enfatizar que a educação formal fornece a base teórica e prática necessária para diversas profissões.

Por sua vez, é por meio dos estudos que adquirimos habilidades específicas e nos tornamos especialistas em determinadas áreas. Nos dias atuais, estudar amplia nossos horizontes e nos possibilita compreender o mundo ao nosso redor.

De fato, o estudo nos permite contribuir de forma significativa para a sociedade. Hoje, ao adquirir conhecimento e habilidades, podemos fazer a diferença em nosso meio, seja através de pesquisa científica, inovação tecnológica, arte ou serviço comunitário.

Devo fazer faculdade ou seguir meu sonho?

Nesse sentido, é fundamental lembrar que a jornada é tão importante quanto o destino final. Assim, independentemente de fazer faculdade ou seguir o sonho, cada caminho tem seus desafios e recompensas.

Assim, sabe-se que o sucesso não é garantido, independentemente da escolha feita. Contudo, a paixão, a dedicação e a resiliência são ingredientes essenciais para enfrentar os obstáculos ao longo do caminho.

Independentemente da escolha, é essencial buscar o aprendizado contínuo e o desenvolvimento de habilidades ao longo da vida. Hoje, o mercado de trabalho está em constante evolução, e adaptabilidade e capacidade de aprendizado são cada vez mais valorizadas no mercado de trabalho atual.

Em suma, fazer faculdade ou seguir um sonho é uma decisão pessoal que deve levar em consideração diversos fatores. Portanto, não existe uma resposta única e correta. O importante é buscar a formação e o crescimento profissional de acordo com os objetivos individuais, aproveitando as oportunidades disponíveis e se mantendo aberto às possibilidades de aprendizado ao longo da vida.

Em síntese, seja qual for a sua decisão, saiba que o estudo nos capacita a ser agentes de mudança e a contribuir para um mundo melhor. Sim, estudar é – de fato – um investimento em nós mesmos e em nosso futuro.

Graduação: comunicação e relacionamento deveriam existir como matérias

Agora que você já sabe se deve fazer faculdade ou seguir seu sonho, venha conhecer os cursos de graduação, pós-graduação, MBA e extensão da Faculdade ITH, de Goiânia-GO. Você pode cursá-los de forma presencial, on-line ou híbrida.

Cursos de Graduação da Faculdade ITH:

Gestão Comercial – EAD;

Recursos Humanos – EAD;

G. Hospitalar – Presencial.

Alguns cursos de Pós-graduação da Faculdade ITH:

MBA em Gestão de Saúde Pública – EAD

Master em Qualidade e Acreditação em Saúde – EAD

Saúde Estética Avançada: Facial, Corporal e Capilar – Presencial

Auditoria em Serviços de Saúde – EAD

Enfermagem Obstétrica – Presencial

Gestão e Liderança em Enfermagem – EAD

MBA em Liderança e Coaching – EAD

Compliance em Saúde – EAD

Para mais informações, fale conosco pelo WhatsApp da Faculdade ITH.

Autoria

Faculdade ITH

Pós em Estética: conheça a carreira que mais cresce no mercado.

O curso de pós em Estética é uma escolha inteligente para aqueles que buscam uma carreira em ascensão no mercado atual. Com o aumento da busca pela saúde, bem-estar e aparência, a demanda por profissionais cresceu nesse campo de forma significativa.

Assim, um curso de especialização em Estética proporciona aos profissionais os conhecimentos teórico e prático necessários para atender às necessidades dos clientes. Desse modo, os alunos aprendem técnicas inovadoras de cuidados com a pele, o corpo e os cabelos, utilizando equipamentos de última geração.

Além disso, a pós em Estética viabiliza um diferencial competitivo no mercado de trabalho, tornando os profissionais altamente procurados por clínicas, spas, salões de beleza e até mesmo hospitais.

Hoje, uma das vantagens dessa carreira é a possibilidade de empreender. Atualmente, muitos profissionais optam por abrir seus próprios negócios, oferecendo serviços estéticos personalizados e conquistando uma clientela fiel. O setor possui um mercado em constante expansão, o que significa que há um grande potencial de crescimento e lucratividade para aqueles que decidem seguir essa carreira.

estetica

Fonte: https://corpobueno.com.br/site/estetica-facial/

Como anda o mercado

Segundo dados recentes, o mercado de Estética tem experimentado um crescimento constante e promissor nos últimos anos. Com o aumento da preocupação com a aparência e o bem-estar, as pessoas estão cada vez mais dispostas a investir em tratamentos estéticos. Com efeito, essa demanda crescente tem impulsionado a indústria e aberto novas oportunidades para empreendedores e profissionais da área.

Por isso, um dos principais impulsionadores desse mercado é a busca pela autoestima e pela beleza, que se tornaram prioridades na vida de muitos indivíduos. Hoje, as pessoas estão mais conscientes dos benefícios de cuidar da aparência e dos efeitos positivos que isso pode ter na sua qualidade de vida e autoconfiança.

Além disso, os avanços tecnológicos contribuíram significativamente para o desenvolvimento do mercado de Estética. Novos equipamentos e técnicas surgem constantemente, oferecendo resultados mais eficazes e menos invasivos, o que é ótimo. Portanto, tratamentos como laser, criolipólise, radiofrequência e microagulhamento estão entre os mais populares e eficientes.

Competências profissionais

As profissões na área de estética são essenciais para o sucesso e o reconhecimento no mercado de trabalho. Com uma demanda crescente por cuidados estéticos e bem-estar, é fundamental que os profissionais da área desenvolvam habilidades específicas que os diferenciem e os tornem altamente competentes.

De fato, uma das competências fundamentais é o conhecimento técnico em estética. Isso inclui compreender os diferentes tipos de tratamentos estéticos, como limpeza de pele, massagens, depilação, maquiagem, entre outros. Também é importante dominar as técnicas adotadas, estar atualizado sobre as tendências e inovações do setor, e utilizar produtos de qualidade para garantir resultados duradouros aos clientes.

Nesse contexto, além do conhecimento técnico, as habilidades interpessoais também são cruciais. Por exemplo, um bom profissional da área de estética deve possuir excelente capacidade de comunicação e empatia para entender as necessidades e desejos dos clientes. Assim, a escuta ativa e a capacidade de estabelecer uma relação de confiança são essenciais para proporcionar um atendimento personalizado e de qualidade.

Nesse sentido, a habilidade de trabalhar em equipe também é importante, especialmente em estabelecimentos maiores, como salões de beleza ou clínicas de estética. Logo, colaborar com outros profissionais, trocar experiências e conhecimentos contribuem para o aprimoramento contínuo e para a excelência no serviço prestado.

Curso de Estética: qual é o melhor e quem pode fazer?

Por que cursar pós em Estética

Hoje, cursar uma especialização em Estética é uma decisão bastante estratégica para profissionais que desejam se diferenciar. Além disso, o curso é uma grande oportunidade para manter-se atualizado em um mercado que só expande.

Por isso, ao investir em uma pós-graduação em Estética, o profissional tem a oportunidade de aprofundar seus conhecimentos e se especializar em áreas específicas dentro do campo. Isso proporciona uma vantagem competitiva, pois o mercado valoriza profissionais com expertise e capacidade de oferecer tratamentos avançados e personalizados.

De fato, a pós-graduação em Estética permite o acesso a novas tecnologias e pesquisas científicas. Com efeito, através de aulas teóricas e práticas, o aluno aprende sobre os avanços mais recentes na área, tornando-se apto a exercer os melhores procedimentos.

Ainda, a formação em nível de pós-graduação também possibilita o aperfeiçoamento em questões éticas e legais relacionadas à estética. Assim, o profissional aprenderá sobre as normas de segurança, biossegurança e ética profissional, garantindo um atendimento responsável e de qualidade. Excelente, não é verdade?!

Pós-graduação em Estética Avançada

Como você sabe, no universo da estética – vale ressaltar – as tendências estão sempre mudando. Hoje em dia, tratamento skincare natural e sustentável tem se destacado como tendência. Isso porque as pessoas estão mais conscientes sobre os produtos que usam e estão, ainda, optando por ingredientes mais naturais e isentos de químicos.

Aqui, na faculdade ITH, o curso de Pós-graduação em Estética Avançada é presencial e possui 600 horas. Além disso, possui metodologia própria, professores especialistas no mercado e disciplinas atualizadas.

Desse modo, o curso visa a capacitar o profissional para uma atuação estética avançada segura e eficaz, desenvolvendo raciocínio clínico pautado na fisiopatologia da afecção estética, no mecanismo de ação, efeitos fisiológicos de cada procedimento além de promover conhecimentos a respeito da gestão e abertura do seu próprio negócio em estética.

Algumas disciplinas da pós-graduação em Estética Avançada da Faculdade ITH:

  • Microagulhamento, procedimento estético injetável para microvasos (PEIM), hidrolipoclasia, carboxiterapia e ozonioterapia;
  • Fundamentos da Microdermabrasão, Peelings Físicos e Químicos;
  • Cosmetologia aplicada na Estética;
  • Terapias manuais, corporais e faciais;
  • Uso do laser e luz intensa pulsada;
  • Harmonização facial 1: Fios e Bioestimuladores;
  • Harmonização facial 2: Toxina Botulínica e Preenchimento, dentre outras.

Agora que você já conhece a carreira que mais cresce no mercado, venha conhecer os cursos de graduação, pós-graduação, MBA e extensão da Faculdade ITH, de Goiânia-GO. Você pode cursá-los de forma presencial, on-line ou híbrida.

Para mais informações, fale conosco pelo WhatsApp da Faculdade ITH.

Autoria

Faculdade ITH

Pós-graduação em Gestão Hospitalar: quem pode fazer?

A pós-graduação em Gestão Hospitalar é um programa de estudos avançados destinado a profissionais que desejam aprofundar seus conhecimentos na área de administração de instituições de saúde. De fato, embora não haja uma restrição rígida quanto aos candidatos que podem se inscrever nesse curso, algumas características são geralmente desejáveis.

Primeiramente, os indivíduos que já possuem formação na área da saúde, como médicos, enfermeiros, farmacêuticos e dentistas, podem se beneficiar significativamente ao realizar uma pós-graduação em Gestão Hospitalar. Desse modo, a experiência prévia no setor lhes confere um conhecimento prático sobre as particularidades do ambiente hospitalar. Assim, isso contribui para uma compreensão mais abrangente dos desafios enfrentados na gestão dessas instituições, não é verdade?!

Além disso, profissionais que já atuam na administração hospitalar, como gerentes, coordenadores e diretores de unidades de saúde, também são candidatos ideais para essa a pós-graduação. Com efeito, esses profissionais já possuem uma base de conhecimento em gestão, mas buscam aprimorar suas habilidades específicas na área da saúde.

Faculdade de Gestão Hospitalar: saiba tudo sobre!

O que faz uma pessoa formada em gestão hospitalar?

O mercado de gestão hospitalar é um setor em constante crescimento devido ao aumento da demanda por serviços de saúde e à necessidade de uma gestão eficiente desses serviços. Logo, gestão hospitalar envolve a administração de todas as atividades relacionadas à operação de um hospital. Ou seja: recursos humanos, finanças, logística, tecnologia da informação, infraestrutura, equipamentos e suprimentos.

Nesse sentido, o/a gestor/a hospitalar é o grande responsável por planejar, organizar e controlar todo o funcionamento de uma instituição de saúde. Com efeito, esse profissional pode atuar como gestor da saúde tanto em instituições públicas quanto privadas, podendo até empreender – por que não?! – e gerenciar o próprio negócio no ramo da saúde. Bacana, não é mesmo?!

Dessa maneira, os gestores hospitalares são responsáveis ​​por garantir a qualidade dos serviços prestados, gerenciar os custos e maximizar a eficiência operacional. Eles também são responsáveis ​​por garantir que as instalações estejam em conformidade com as regulamentações governamentais. Vale recordar que tais medidas garantem a segurança dos pacientes e o cumprimento das normas éticas e de qualidade.

Hoje, um dos principais desafios enfrentados pelos gestores hospitalares é a necessidade de manter um equilíbrio entre as necessidades financeiras da instituição e a qualidade dos cuidados prestados aos pacientes. Portanto, é fundamental que eles encontrem maneiras de reduzir custos sem comprometer a qualidade do atendimento, investindo em tecnologia para automatizar processos e aprimorar a eficiência operacional.

Qual é o salário de gestão hospitalar?

Hoje, como você já deve imaginar, o trabalho de um gestor hospitalar envolve uma ampla variedade de atividades que visam garantir o bom funcionamento de uma instituição de saúde. Nesse sentido, a demanda por esses profissionais sempre é alta. Por isso, a atuação desses tem o intuito de administrar recursos e implementar projetos que sejam úteis nas rotinas de saúde.

De acordo com o site Quero Bolsa, o salário médio de um Gestor hospitalar no Brasil é de R$ 7.957,93. Já conforme o site Vagas, no cargo de Administrador Hospitalar se inicia ganhando R$ 2.846,00 de salário e pode vir a ganhar até R$ 7.788,00. Atualmente, a média salarial para Administrador Hospitalar no Brasil é de R$ 5.104,00. 

De fato, a composição da média salarial de profissionais da Gestão Hospitalar pode variar e muito. Isso acontece devido a alguns fatores:

  • especialização na área;
  • expertise do/da profissional;
  • porte da empresa – pequena, média ou grande;
  • área pública ou privada;
  • localidade da empresa – interior, capitais ou grandes centros, dentre outros.

Com efeito, o campo de atuação do profissional que atua na Gestão Hospitalar é amplo. Assim, se você é graduado em Gestão Hospitalar, por exemplo, saiba que pode ir ainda mais além: especializar-se em Gestão Hospitalar. Vale lembrar que esses profissionais podem atuar, também, na venda de planos de saúde e de seguros hospitalares. 

Gestão Hospitalar EaD: tudo o que você precisa saber!

Motivos para cursar pós-graduação em Gestão Hospitalar

Cursar pós-graduação em Gestão Hospitalar pode ser uma excelente opção para profissionais da área da saúde que desejam se aprimorar em gestão e liderança de equipes. Além disso, é ótimo para quem deseja entender melhor os processos administrativos e financeiros de um hospital.

Logo, uma das principais motivações para realizar essa especialização é o mercado de trabalho aquecido para gestores hospitalares. Hoje, com uma demanda crescente por serviços de saúde, é fundamental contar com profissionais capacitados para administrar hospitais, clínicas e demais instituições de saúde.

Desse modo, outra vantagem de cursar uma pós-graduação em Gestão Hospitalar é a possibilidade de ampliar a rede de contatos profissionais e estabelecer parcerias com outros gestores e profissionais da área da saúde. Ou seja, essa troca de experiências pode ser enriquecedora e favorecer o desenvolvimento de todos. Bacana, hein?!

Pós-graduação em Gestão Hospitalar da Faculdade ITH

O curso de MBA em Gestão Hospitalar da Faculdade ITH é 100% EaD e possui 440 horas. Além disso, possui metodologia própria, professores especialistas no mercado, disciplinas atualizadas e o melhor: você pode cursá-lo em 6 ou 15 meses.

Assim, o curso visa a formar gestores hospitalares responsáveis por administrar e conduzir as atividades de um hospital, seja público ou privado. Neste contexto, ele realiza o planejamento estratégico e o gerenciamento dos sistemas de saúde, de processos e acreditações, da logística hospitalar, de compliance, da gestão de pessoas, da compra de materiais e equipamentos, entre outros.

De fato, a complexidade atual da administração em saúde tem justificado a necessidade de um movimento progressivo do profissional de gestão em saúde. Neste cenário, os gestores das organizações de saúde devem desenvolver ou aperfeiçoar as habilidades para assumir a liderança de novos modelos de gestão e tornar os processos mais eficientes.

Algumas disciplinas do MBA em Gestão Hospitalar da Faculdade ITH:

  • O Novo Cenário da Gestão em Saúde;
  • Compliance, Governança Corporativa e Sustentabilidade;
  • Acreditação, Legislação e Contextualização Econômica – Gestão de Riscos e Segurança do Paciente;
  • Gestão da Informação e Comunicação nas Organizações de saúde;
  • LGPD aplicada ao Setor da Saúde;
  • Liderança e Gestão de Pessoas;
  • Segurança do Paciente com Foco na Experiência do Paciente;
  • Gestão, Estrutura e Logística da Farmácia Hospitalar e Sistemas de distribuição de medicamentos, dentre outras.

Agora que você já sabe quem pode fazer pós-graduação em gestão hospitalar, venha conhecer os cursos de graduação, pós-graduação, MBA e extensão da Faculdade ITH, de Goiânia-GO. Você pode cursá-los de forma presencial, on-line ou híbrida.

Para mais informações, fale conosco pelo WhatsApp da Faculdade ITH:

Empreendedorismo na Enfermagem: por onde começar

Você sabia que a área de Enfermagem é uma das mais populares e requisitadas em vestibulares? Exatamente por isso, o empreendedorismo na Enfermagem é impulsionado diariamente.

Como você deve imaginar, profissionais de Enfermagem são fundamentais para o bom funcionamento de hospitais, clínicas e demais instituições de saúde. Vale lembrar que, durante a graduação, a qual dura, em média, cinco anos, os estudantes têm contato com uma formação um tanto quanto ampla.

Desse modo, os profissionais precisam, consequentemente, optar por cursar uma especialização, haja vista que a pós-graduação tem a prerrogativa de aprofundar conhecimentos específicos de determinada área.

Segundo dados do Conselho Federal de Enfermagem , há mais de 2 milhões de enfermeiros atuantes no Brasil. Com isso, fica claro que a Enfermagem apresenta diversas possibilidades de atuação e formação.

Nesse sentido, convém enfatizar uma das possibilidades atuais no mercado de trabalho de Enfermagem: o empreendedorismo. Muitos não sabem, mas esta é uma modalidade cada vez mais procurada pelos profissionais da área.

Tem interesse em saber sobre 6 chaves para um bom Planejamento em Enfermagem? Clique e saiba mais:

image
Fonte: http://biblioteca.cofen.gov.br/consultorios-enfermagem-oportunidades-enfermeiro-empreendedor/

O que é empreendedorismo

Empreendedorismo é um termo bastante usado no setor empresarial e, muitas vezes, está relacionado com a criação de empresas ou produtos novos. Está relacionado, também, com resolver problemas, pensar fora da caixa.

Empreender é, ainda, saber identificar oportunidades e transformá-las em um negócio lucrativo. Quando um empreendedor percebe uma necessidade dos consumidores, ele consegue criar uma maneira de resolver o problema, oferecendo um produto ou serviço que dê uma experiência de mais qualidade ao cliente (agrega valor). Logo, essa solução pode ser transformada em um negócio.

Conforme a pesquisa Desafios dos Empreendedores Brasileiros, ser empreendedor – ou empreendedora – é ter um objetivo e trabalhar para alcançá-lo. No entanto, isso não quer dizer que você estará isento de encontrar desafios no caminho (geralmente, no meio do caminho, há uma pedra, lembra-se?!).

Empreendedorismo na Enfermagem

Já sobre o empreendedorismo na Enfermagem, sabe-se que é uma abordagem que vem ganhando espaço no mercado de trabalho. Antigamente, era muito comum associar a rotina de enfermeiros a hospitais e unidades de saúde. Ou seja, atualmente, as possibilidades de atuação ampliaram e muito.

Apesar da ideia de empreender em Enfermagem ser muito atrativa, saiba que não é tão simples. Afinal, o mercado de trabalho é muito competitivo e exige muito esforço e dedicação. Uma grande sacada é oferecer diferenciais em seus serviços, o que irá trazer um grande valor competitivo perante aos seus concorrentes.

De fato, a formação em Enfermagem traz todo o conhecimento e habilidades necessárias para exercer a profissão, os quais serão importantíssimos para trilhar seu caminho como enfermeiro/a empreendedor/a. Mas, não se esqueça: você precisará desenvolver outros tipos de conhecimentos também!

Áreas de atuação

O mercado de trabalho para profissionais da Enfermagem, especialmente em decorrência da pandemia da COVID-19, permanece bastante aquecido. Nesse sentido, seguem algumas possibilidades de atuação para quem visa ao empreendedorismo na Enfermagem:

Home Care

Atualmente, essa área da Enfermagem segue crescendo muito no atual mercado de trabalho. O serviço home care refere-se ao tipo de serviço em que o profissional vai até a casa do paciente, ou seja, é um atendimento personalizado e que pode ser realizado em pacientes de todas as idades. Principais atribuições desse profissional:

– Fazer curativos;

– Aferir a pressão arterial;

– Aplicação de medicamentos;

– Cuidados pós-operatórios.

Cuidados na terceira idade

Em relação ao cuidado de idosos, vale reforçar que o enfermeiro pode cursar uma pós-graduação em cuidados geriátricos, por exemplo, visando ao atendimento de famílias no cuidado com pessoas da terceira idade. Eis alguns dos principais atendimentos:

  • – Assistência na medicação;
  • – Segurança do ambiente;
  • – Auxílio na alimentação;
  • – Higiene corporal.

Cuidado com crianças

Muitas famílias não se sentem confortáveis em deixar os filhos em creches ou berçários. Assim, eles preferem contratar algum profissional para auxiliar no cuidado com as crianças. Desse modo, os enfermeiros que empreendem nessa área são bastante requisitados. Algumas das principais funções são:

  • – Assistência no cuidado de recém-nascidos;
  • – Assistência às crianças;
  • – Aplicação de medicamentos;
  • – Higienização;
  • – Aplicação de vacinas;
  • – Cuidado no tratamento contra doenças.

Consultórios e clínicas de enfermagem

Para aqueles profissionais que querem empreender na área, esse é um ótimo caminho:

Clínica de Enfermagem: empreendimento onde são realizados diversos tipos de procedimentos, como realização de curativos, aplicação de remédios, interpretação de exames, entre outros.

Consultório de Enfermagem: local onde são realizadas consultas de enfermagem.

Enfermagem estética: No atual cenário, principalmente no Brasil, os enfermeiros estão inovando ao se especializarem em procedimentos estéticos. Confira alguns que podem ser realizados por esses profissionais:

  • – Aplicação de Cosméticos;
  • – Criolipólise;
  • – Depilação a laser;
  • – Drenagem linfática;
  • – Micropigmentação;
  • – Peeling superficial e médio;
  • – Aplicação de toxina botulínica e ácido hialurônico.

Deseja saber sobre a carreira de Enfermeiro emergencista? Então leia nosso artigo. É só clicar!

Assim, a carreira de enfermeiro que tem visão e/ou perfil empreendedor(a) exige criatividade, muito trabalho e competência. Por isso, para ter sucesso profissional, é fundamental adquirir conhecimento sobre o mundo dos negócios, como marketing, contabilidade e gestão, além de boa capacidade de comunicação e relacionamento com pacientes e funcionários.

Atuando na Enfermagem de forma empreendedora, você tem mais liberdade para definir seus horários, autonomia para determinar locais para exercer a profissão e flexibilidade para desfrutar da vida profissional em relação a enfermeiros que não são empreendedores, por exemplo.

Agora que você está por dentro do empreendedorismo na Enfermagem, venha estudar por meio dos cursos de graduação, especialização e MBA da Faculdade ITH, de Goiânia-GO. Você pode cursá-los de forma presencial, on-line ou híbrida.

Para mais informações, segue link do WhatsApp da Faculdade ITH: https://web.whatsapp.com/send?1=pt_BR&phone=556230917079

Autoria

Faculdade ITH

Empreendedorismo na Enfermagem: por onde começar

Você sabia que a área de Enfermagem é uma das mais populares e requisitadas em vestibulares? Exatamente por isso, o empreendedorismo na Enfermagem é impulsionado diariamente.

Como você deve imaginar, profissionais de Enfermagem são fundamentais para o bom funcionamento de hospitais, clínicas e demais instituições de saúde. Vale lembrar que, durante a graduação, a qual dura, em média, cinco anos, os estudantes têm contato com uma formação um tanto quanto ampla.

Desse modo, os profissionais precisam, consequentemente, optar por cursar uma especialização, haja vista que a pós-graduação tem a prerrogativa de aprofundar conhecimentos específicos de determinada área.

Segundo dados do Conselho Federal de Enfermagem , há mais de 2 milhões de enfermeiros atuantes no Brasil. Com isso, fica claro que a Enfermagem apresenta diversas possibilidades de atuação e formação.

Nesse sentido, convém enfatizar uma das possibilidades atuais no mercado de trabalho de Enfermagem: o empreendedorismo. Muitos não sabem, mas esta é uma modalidade cada vez mais procurada pelos profissionais da área.

Tem interesse em saber sobre 6 chaves para um bom Planejamento em Enfermagem? Clique e saiba mais:

image
Fonte: http://biblioteca.cofen.gov.br/consultorios-enfermagem-oportunidades-enfermeiro-empreendedor/

O que é empreendedorismo

Empreendedorismo é um termo bastante usado no setor empresarial e, muitas vezes, está relacionado com a criação de empresas ou produtos novos. Está relacionado, também, com resolver problemas, pensar fora da caixa.

Empreender é, ainda, saber identificar oportunidades e transformá-las em um negócio lucrativo. Quando um empreendedor percebe uma necessidade dos consumidores, ele consegue criar uma maneira de resolver o problema, oferecendo um produto ou serviço que dê uma experiência de mais qualidade ao cliente (agrega valor). Logo, essa solução pode ser transformada em um negócio.

Conforme a pesquisa Desafios dos Empreendedores Brasileiros, ser empreendedor – ou empreendedora – é ter um objetivo e trabalhar para alcançá-lo. No entanto, isso não quer dizer que você estará isento de encontrar desafios no caminho (geralmente, no meio do caminho, há uma pedra, lembra-se?!).

Empreendedorismo na Enfermagem

Já sobre o empreendedorismo na Enfermagem, sabe-se que é uma abordagem que vem ganhando espaço no mercado de trabalho. Antigamente, era muito comum associar a rotina de enfermeiros a hospitais e unidades de saúde. Ou seja, atualmente, as possibilidades de atuação ampliaram e muito.

Apesar da ideia de empreender em Enfermagem ser muito atrativa, saiba que não é tão simples. Afinal, o mercado de trabalho é muito competitivo e exige muito esforço e dedicação. Uma grande sacada é oferecer diferenciais em seus serviços, o que irá trazer um grande valor competitivo perante aos seus concorrentes.

De fato, a formação em Enfermagem traz todo o conhecimento e habilidades necessárias para exercer a profissão, os quais serão importantíssimos para trilhar seu caminho como enfermeiro/a empreendedor/a. Mas, não se esqueça: você precisará desenvolver outros tipos de conhecimentos também!

Áreas de atuação

O mercado de trabalho para profissionais da Enfermagem, especialmente em decorrência da pandemia da COVID-19, permanece bastante aquecido. Nesse sentido, seguem algumas possibilidades de atuação para quem visa ao empreendedorismo na Enfermagem:

Home Care

Atualmente, essa área da Enfermagem segue crescendo muito no atual mercado de trabalho. O serviço home care refere-se ao tipo de serviço em que o profissional vai até a casa do paciente, ou seja, é um atendimento personalizado e que pode ser realizado em pacientes de todas as idades. Principais atribuições desse profissional:

– Fazer curativos;

– Aferir a pressão arterial;

– Aplicação de medicamentos;

– Cuidados pós-operatórios.

Cuidados na terceira idade

Em relação ao cuidado de idosos, vale reforçar que o enfermeiro pode cursar uma pós-graduação em cuidados geriátricos, por exemplo, visando ao atendimento de famílias no cuidado com pessoas da terceira idade. Eis alguns dos principais atendimentos:

  • – Assistência na medicação;
  • – Segurança do ambiente;
  • – Auxílio na alimentação;
  • – Higiene corporal.

Cuidado com crianças

Muitas famílias não se sentem confortáveis em deixar os filhos em creches ou berçários. Assim, eles preferem contratar algum profissional para auxiliar no cuidado com as crianças. Desse modo, os enfermeiros que empreendem nessa área são bastante requisitados. Algumas das principais funções são:

  • – Assistência no cuidado de recém-nascidos;
  • – Assistência às crianças;
  • – Aplicação de medicamentos;
  • – Higienização;
  • – Aplicação de vacinas;
  • – Cuidado no tratamento contra doenças.

Consultórios e clínicas de enfermagem

Para aqueles profissionais que querem empreender na área, esse é um ótimo caminho:

Clínica de Enfermagem: empreendimento onde são realizados diversos tipos de procedimentos, como realização de curativos, aplicação de remédios, interpretação de exames, entre outros.

Consultório de Enfermagem: local onde são realizadas consultas de enfermagem.

Enfermagem estética: No atual cenário, principalmente no Brasil, os enfermeiros estão inovando ao se especializarem em procedimentos estéticos. Confira alguns que podem ser realizados por esses profissionais:

  • – Aplicação de Cosméticos;
  • – Criolipólise;
  • – Depilação a laser;
  • – Drenagem linfática;
  • – Micropigmentação;
  • – Peeling superficial e médio;
  • – Aplicação de toxina botulínica e ácido hialurônico.

Deseja saber sobre a carreira de Enfermeiro emergencista? Então leia nosso artigo. É só clicar!

Assim, a carreira de enfermeiro que tem visão e/ou perfil empreendedor(a) exige criatividade, muito trabalho e competência. Por isso, para ter sucesso profissional, é fundamental adquirir conhecimento sobre o mundo dos negócios, como marketing, contabilidade e gestão, além de boa capacidade de comunicação e relacionamento com pacientes e funcionários.

Atuando na Enfermagem de forma empreendedora, você tem mais liberdade para definir seus horários, autonomia para determinar locais para exercer a profissão e flexibilidade para desfrutar da vida profissional em relação a enfermeiros que não são empreendedores, por exemplo.

Agora que você está por dentro do empreendedorismo na Enfermagem, venha estudar por meio dos cursos de graduação, especialização e MBA da Faculdade ITH, de Goiânia-GO. Você pode cursá-los de forma presencial, on-line ou híbrida.

Para mais informações, segue link do WhatsApp da Faculdade ITH: https://web.whatsapp.com/send?1=pt_BR&phone=556230917079

Autoria

Faculdade ITH

Back to Top
O curso foi adicionado no carrinho
Pular para o conteúdo